quinta-feira, 30 de junho de 2016

SAÚDE: Acordo retira 14 mil toneladas de sódio de alimentos

Parceria entre governo federal e indústrias  prevê redução de sódio  e açúcar em produtos alimentícios
Em quatro anos, o acordo entre o Ministério da Saúde e a Associação das Indústrias da Alimentação (Abia) possibilitou a retirada de 14.893 toneladas de sódio dos produtos alimentícios. O dado é resultado das três primeiras fases do acordo, que iniciou em abril 2011, e foram apresentados nesta quarta-feira (29/06/2016). A meta é que, até 2020, as indústrias do setor promovam a retirada voluntária de 28.562 toneladas de sal do mercado brasileiro. A partir de agora, o Ministério da Saúde e a Abia iniciam discussões sobre uma nova parceria, desta vez para reduzir o açúcar nos alimentos processados. “Esta parceria é muito importante, e vamos continuar os acordos para melhorar a qualidade nutricional dos alimentos processados. A população precisa estar atenta, não somente ao sal, mas também ao açúcar que é adicionado aos alimentos. É importante frisar que o açúcar está presente na maior parte do que é consumido e, se cada cidadão brasileiro cuidar da sua saúde, o povo brasileiro será mais saudável”, disse o ministro da Saúde, Ricardo Barros. Na terceira fase do acordo de redução de sódio, em que foram incluídas margarinas, cereais matinais, caldos (gel e cubos) e temperos prontos, 94,5% das 22 de empresas analisadas atingiram a meta. A maior redução foi observada nos temperos, com queda de 16,35%, seguida pela margarina, com 7,12%. Outras categoriais também registram queda: cereais matinais (5,2%), caldos e cubos em pó (4,9%), temperos em pasta (1,77%), tempero para arroz (6,03%). Caldos líquidos e em gel é a única categoria que teve aumento na concentração de sódio (8,84%). O presidente da Abia, Edmund Kloz, reiterou a disponibilidade da indústria no cumprimento deste e de outros acordos. “Nossa preocupação é tentar fazer o possível para colaborar. Esperamos conseguir, inclusive, preparar, de maneira eficaz, a tecnologia para fazermos também a redução do açúcar, com o mesmo sucesso e ritmo que tivemos na redução de sódio”, afirmou. A primeira etapa envolveu macarrão instantâneo, pão de forma e bisnaguinha. A segunda, bolos, snacks (batata-palha e salgadinhos de milho), maioneses e biscoitos. O acordo prevê mais uma etapa envolvendo produtos embutidos. As indústrias que não alcançarem o resultado esperado de redução são notificadas pelo Ministério da Saúde e devem encaminhar à pasta uma justificativa, além de uma nova estratégia para diminuir a quantidade de sal dos alimentos. Os produtos analisados continuam fazendo parte do programa, ainda com as metas alcançadas, e, a cada ano, novas metas são traçadas visando maiores reduções. Fonte: Portal Brasil, com informações do Ministério da Saúde 

quarta-feira, 29 de junho de 2016

Já comprou o livro do radialista Paulo Maciel, "HISTÓRIA VIVA DE COLATINA"? Só R$ 20, nas bancas do Briel, Joaquim e Rodoviária

SEGURADOS DA PREVIDÊNCIA: Governo garante antecipação do 13º para aposentados e pensionistas

Mais de 28 milhões de segurados da Previdência Social receberão o adiantamento do 13º (Abono Anual), que começa a ser depositado a partir do dia 25 de agosto, junto com o pagamento dos benefícios da folha mensal. De acordo com a lei, tem direito ao 13º quem, durante o ano, recebeu benefício previdenciário como aposentadoria, pensão por morte, auxílio-doença, auxílio-acidente, auxílio-reclusão ou salário-maternidade. No caso de auxílio-doença e salário-maternidade, o valor do Abono Anual será proporcional ao período recebido. Aqueles que recebem benefícios assistenciais (Benefício de Prestação Continuada da Lei Orgânica da Assistência Social – BPC/LOAS e Renda Mensal Vitalícia – RMV) não têm direito ao Abono Anual. Depósitos O pagamento começará a ser depositado, seguindo o calendário de pagamentos dos benefícios previdenciários do mês de agosto, para os segurados que recebem até um salário mínimo e possuem cartão com final 1, desconsiderando-se o dígito. Quem ganha acima do mínimo começa a receber a partir do dia 1º de setembro. Os depósitos seguem até o dia 8 de setembro. A segunda parte do abono será creditada na folha de novembro e o desconto do Imposto de Renda, se for o caso, incidirá somente sobre a segunda parcela da gratificação. (28/06/2016)  FonteAssessoria de Imprensa/Secretaria da Previdência Social ascom.mps@previdencia.gov.br (61)2021-5009 

segunda-feira, 27 de junho de 2016

DIOCESE DE COLATINA: Novos agentes da Pastoral da Sobriedade são formados

Texto e fotos: Paulo R. Maciel p/o blog WWW.REPORTERPAULOMACIEL.BLOGSPOT.COM
No sábado e domingo (25 e 26/06/2016) dezenas de fiéis católicos estiveram reunidos na sede do Instituto Espírito Santo de Inovação Social (Iesis), em Ibiraçu/ES, para a complementação do curso de formação de novos agentes da Pastoral da Sobriedade. Foram dez horas de formação nesta segunda etapa, completando a carga horária iniciada no mês de março. Além dos novos agentes, alguns já formados compareceram para receber capacitação. Houve momentos de oração, palestras, missa com o bispo emérito Dom Décio Sossai Zandonade, avaliação e outros eventos. Entre os palestrantes estiveram presentes o agente Paulo Magnago (de São Mateus/ES) e o psicólogo Fernando Barbosa (de Governador Valadares/MG). Os trabalhos foram liderados pelo psicanalista Aguinaldo Luiz Giuriatto, coordenador da Pastoral da Sobriedade da Diocese de Colatina. O Iesis é cuidado por irmãs religiosas católicas (fotos).
As três fotos acima, enviadas por Whashington

Volta da chuva à região Norte do Espírito Santo reaviva esperanças

Imagem da rua Humberto de Campos molhada pela chuva, na madrugada desta segunda-feira, em Colatina 
Texto e fotos: Paulo R. Maciel p/o blog WWW.REPORTERPAULOMACIEL.BLOGSPOT.COM

Depois de um bom tempo sem chuva, as precipitações pluviais voltaram a ocorrer na região Norte do estado do Espírito Santo. Coincidentemente, essas chuvas tão aguardadas vieram neste início da estação do ano do inverno. Em Colatina/ES as chuvas foram bem recebidas neste domingo e segunda-feira (26 e 27/06/2016). 

sábado, 25 de junho de 2016

PROCESSO SELETIVO IBGE 2: 325 vagas para o Rio de Janeiro

Redação e pesquisa: Paulo R. Maciel p/o blog WWW.REPORTERPAULOMACIEL.BLOGSPOT.COM
O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) abriu processo seletivo simplificado que destina-se a selecionar candidatos para serem contratados, em caráter temporário, para o preenchimento de até 325 vagas. Elas serão distribuídas da seguinte forma: 300 vagas para a função de agente de pesquisas por telefone, para atuar no município do Rio de Janeiro/RJ; e 25 vagas para a função de supervisor de pesquisas (com quatro áreas de conhecimento -geral, gestão, suporte gerencial e tecnologia de informação e comunicação), para atuar no município do Rio de Janeiro/RJ. A retribuição mensal será de: agente de pesquisas por telefone: R$ 950,00; supervisor de pesquisas: R$ 4.600,00. O contratado fará jus ao auxílio-alimentação e ao auxílio-transporte, assim como a férias e ao décimo terceiro salário proporcionais. A inscrição deverá ser efetuada, no período de 21/06 a 19/07/2016, na página da Fundação Cesgranrio (www.cesgranrio.org.br). No ato da inscrição, o candidato deverá manifestar sua opção de função e turno ou área de conhecimento, conforme o caso. A taxa de inscrição é de R$ 22,00 para a função de agente de pesquisas por telefone e R$ 100,00 para a função de supervisor de pesquisas. (Mais informações: www.ibge.gov.br) 

PROCESSO SELETIVO IBGE: 7.500 vagas para agente de pesquisas e mapeamento

Redação e pesquisa: Paulo R. Maciel p/o blog WWW.REPORTERPAULOMACIEL.BLOGSPOT.COM
O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) abriu processo seletivo simplificado, destinado a selecionar candidatos para serem contratados, em caráter temporário, para o preenchimento de até sete mil e quinhentas vagas para a função de agente de pesquisas e mapeamento, para atuar em quinhentos e cinquenta municípios distribuídos nos 26 Estados e no Distrito Federal. O requisito de escolaridade exigido para o exercício da função é o ensino médio. O candidato deverá apresentar, no momento da contratação, o diploma ou certificado de conclusão devidamente registrado, expedido por instituição de ensino reconhecida pelo Ministério da Educação, secretarias ou conselhos estaduais de Educação. A retribuição mensal será de R$ 1.250,00. O contratado fará jus ainda ao auxílio-alimentação e ao auxílio-transporte, assim como a férias e ao décimo-terceiro salário proporcionais. A jornada de trabalho será de quarenta horas semanais, sendo oito horas diárias. Os serviços serão prestados pelo prazo de até um ano, podendo ser prorrogado, desde que não exceda três anos. A inscrição deverá ser efetuada, no período de 21/06 a 19/07/2016, na página eletrônica da Fundação Cesgranrio (www.cesgranrio.org.br). No ato da inscrição, o candidato deverá escolher o município/área de trabalho (se houver) onde deseja trabalhar e, também, o município/área de trabalho (se houver) onde realizará a prova. A taxa de inscrição é de R$ 30,00. (Mais informações: www.ibge.gov.br)

PROCESSO SELETIVO SEDU: Inscrição para candidatos a atuar no Pronatec

Redação e pesquisa: Paulo R. Maciel p/o blog WWW.REPORTERPAULOMACIEL.BLOGSPOT.COM
A Secretaria de Educação do Estado do Espírito Santo (Sedu) publicou o Edital nª 33/2016, pelo qual fará seleção de profissionais para atuar no Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (Pronatec). O processo seletivo já está com as inscrições abertas até o dia 29/06/2016, às  17h. Conforme os dados disponibilizados ao público, o processo seletivo será para “recrutamento e seleção de profissionais para atuarem, em regime de concessão de bolsas, nos cursos técnicos de educação profissional no Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego – PRONATEC”. Para mais informações e inscrições, o interessado deve acessar a página da internet www.selecao.es.gov.br e o número do telefone para contato é (0xx27) 3636-7667.

sexta-feira, 24 de junho de 2016

Senadora Rose de Freitas é a líder do governo Michel Temer no Congresso

A senadora Rose de Freitas (PMDB-ES) foi oficializada líder do governo de Michel Temer no Congresso Nacional. O anúncio foi feito pelo presidente do Senado, senador Renan Calheiros. A principal tarefa da senadora será atuar como interlocutora do governo na Comissão Mista de Orçamento e nas comissões mistas de medidas provisórias. O cargo estava vago há mais de um mês, desde que Dilma Rousseff foi afastada da Presidência, no mês passado. O líder do governo era então o senador petista José Pimentel (CE). A nova líder do governo ajudou a conseguir o quórum para votar o relatório preliminar do projeto da Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) 2017. O texto foi aprovado na Comissão de Orçamento no dia 21. No ano passado, Rose de Freitas presidiu a comissão. (21/06/2016) Da Redação - MT - Com informações da Agência Senado A reprodução das notícias é autorizada desde que contenha a assinatura 'Agência Câmara Notícias'  BIOGRAFIA: Segundo o site do Senado, o nome oficial da senadora é Rosilda de Freitas, natural de Caratinga/MG, ode nasceu em 23/01/1949. Seu gabinete no Senado Federal fica no Anexo II, Bloco A, Ala Teotônio Vilela, Gabinete 01, telefone: (61) 3303-1156, e-mail: rose.freitas@senadora.leg.br . Seu escritório de apoio no estado do Espírito Santo fica na AVENIDA JOÃO BAPTISTA PARRA, 673. ED. ENSEADA TOWER - SL. 701/702-A. PRAIA DO SUÁ, VITÓRIA, ES. CEP:29052-123. Rose de Freitas foi eleita para o mandato de oito anos (2015 a 2023). A representante capixaba foi deputada estadual/ES de 1983 a 1987 e deputada federal/ES por seis mandatos: 1987-1991, 1991-1995, 2001-2002, 2003-2007, 2007-2011 e de 2011 até assumir o Senado como a primeira mulher a se eleger para esta Casa no Espírito Santo (a eleição foi em 2014).

CESTA BÁSICA: Pesquisa de preços, ainda que informal, gera economia para o consumidor

Reportagem, pesquisa, texto e foto ilustrativa: Paulo R. Maciel p/o blog WWW.REPORTERPAULOMACIEL.BLOGSPOT.COM   Laranja pera a R$ 1,79 numa loja de comércio varejista e  noutra a R$ 1,49. O quilo de feijão a R$ 5,99 num estabelecimento e a R$ 4,98 noutro.  Creme dental com 180g a R$ 2,00 num ponto comercial e noutro comércio o dobro do valor. São preços diferentes com um percentual significativo de economia para o consumidor, principalmente conforme o volume da compra. Uma boa economia é possível quando se faz pesquisa de preços, em tempos de arrocho no orçamento. Só que muitos consumidores não estão dispostos a pesquisar e outros não abrem mão da sua marca preferida, então acabam gastando muito mais em suas aquisições de produtos da cesta básica. Fala-se muito atualmente que o preço do feijão está nas alturas, e, talvez até mesmo por causa disso, é necessário pesquisar. Numa pesquisa informal e rápida em seis estabelecimentos supermercadistas diferentes, no Centro de Colatina, na quinta-feira (23/06/2016), verificamos as seguintes condições de preços, por quilo, do feijão: R$ 4,98 (preto, tipo 1, marca Dalila), R$ 4,99 (carioca, tipo 1, Beira Rio), R$ 5,12 (carioca, tipo 1, Norte), R$ 5,99 (rajado, tipo 1, Nico), 5,99 (preto, tipo 1, Dalila), R$ 12,98 e R$ 15,98 em lojas distintas (carioca, tipo 1, Lívia). Como se pode ver, o preço mais baixo do quilo de feijão é R$ 4,98 e o mais alto é R$ 15,98, dependendo da marca. Observe que mesmo marcas iguais têm preços desiguais e com diferença significativa: é o caso do Lívia, que varia de R$ 12,98 a R$ 15,98 de uma loja para outra. Não é uma boa alternativa optar por ervilha ou lentilha, pois o gasto será maior, tendo em vista que o preço desses produtos varia de R$ 4,47 a cerca de R$ 9,00 a embalagem com 500g (a quantidade mais comumente comercializada). É preciso observar ainda que os valores podem variar de dia para dia (e até de hora para hora), dependendo das promoções de cada estabelecimento. O que fica comprovado, no entanto, é que se o consumidor pesquisar, em pelo menos três unidades comerciais diferentes, terá uma economia substancial em seu bolso.

quinta-feira, 23 de junho de 2016

Casal colatinense é indenizado em R$ 20 mil por voos cancelados

A viagem de volta dos Estados Unidos conseguiu frustrar todas as expectativas de um casal de Colatina, que viu a previsão de um dia de viagem se desdobrar em três, após sucessivos cancelamentos do voo contratado. As falhas na prestação do serviço levaram a companhia aérea a ser condenada a indenizar o casal por danos morais em R$ 10 mil por pessoa. Segundo o casal, o voo que viria de Orlando para Vitória, com conexão no Rio de Janeiro, teria sido cancelado às vésperas da viagem. Ao se apresentarem para embarque no dia seguinte, eles teriam se deparado novamente com outro cancelamento, porém, desta vez, após horas de espera em pé, e sem local adequado para a requerente, que se encontrava grávida na ocasião. Ao final da tarde, marido e a mulher foram transladados, com muito desconforto, para um hotel em uma minivan lotada de passageiros e completamente tomada pelas bagagens. Uma vez no hotel, os problemas teriam continuado: o voucher de alimentação não era suficiente para cobrir os valores praticados no estabelecimento, o que obrigou o casal a arcar parcialmente com os gastos de alimentação. Vinte e quatro horas após a primeira apresentação para check-in, o casal finalmente embarcava para o Rio de Janeiro, onde realizariam a conexão para Vitória. Porém, ao contrário do casal, suas malas foram despachadas para São Paulo, obrigando o marido e a mulher aguardarem mais 5 horas pela bagagem extraviada. Por conta de todos os problemas enfrentados, o casal só teria chegado em casa, em Colatina, no dia seguinte, 3 dias após o planejado, vindo por isso a requerer indenização por danos morais. Em uma sessão de conciliação, a companhia aérea ofereceu R$ 2,5 mil para cada um dos autores, que contrapuseram o valor de R$ 8 mil, sem que houvesse acordo entre as partes. Em sua decisão, o juiz do 3º Juizado Especial Cível de Colatina afirma que as provas são robustas e atestam o depoimento dos requerentes, com vasta documentação, deixando clara a falha na prestação do serviço. Concluiu o magistrado: “Quaisquer dessas ocorrências, a demora excessiva na concretização do embarque, a adoção de medidas compensatórias insuficientes, o atraso na entrega da bagagem, isoladamente, já se poderiam cogitar como causas de dano moral. A sua cumulação em um mesmo contexto fático tornam o seu diagnóstico induvidoso!” (Vitória, 21/06/2016) Informações à Imprensa: Assessoria de Imprensa e Comunicação Social do TJES. Texto: Thiago Lopes - thflopes@tjes.jus.br - Andréa Resende, assessora de Comunicação do TJES - imprensa@tjes.jus.br  - www.tjes.jus.br

Câmara aprova MP que permite 100% de capital estrangeiro em empresas aéreas

O Plenário da Câmara dos Deputados aprovou na terça-feira (21/06/2016) a Medida Provisória 714/16, que aumenta para até 100% a participação do capital estrangeiro com direito a voto nas companhias aéreas nacionais. A abertura total do setor ocorreu com emenda do PMDB, aprovada por 199 votos a 71. A matéria será analisada ainda pelo Senado. Segundo a emenda do líder do PMDB, deputado Baleia Rossi (SP), a empresa continuará a ter de ser constituída pelas leis brasileiras, com sede e administração no País. A emenda manteve texto da comissão que procura proteger os aeronautas brasileiros em voos internacionais operados por empresa que use do direito de tráfego no Brasil. Os contratos de trabalho precisam ser firmados no Brasil com tripulação brasileira. "Estamos salvando empregos. Sem capital estrangeiro, as empresas aéreas vão quebrar", afirmou Rossi. A reprodução das notícias é autorizada desde que contenha a assinatura 'Agência Câmara Notícias'

Presidente em exercício Michel Temer determina liberação da importação de feijão

Para baixar o preço do feijão nos supermercados, o governo federal tomou providências de liberação da importação do produto de países vizinhos do Mercosul: Argentina, Paraguai e Bolívia. O presidente em exercício Michel Temer fez a requisição ao ministro da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), Blairo Maggi. Em entrevista ao Portal do Planalto, Maggi disse que também está sendo estudada a possibilidade de trazer o produto do México, após a assinatura de um acordo sanitário, e da China. O preço do principal produto na mesa dos brasileiros subiu em função de questões climáticas, que ocasionou a perda de praticamente toda a safra no Centro-Oeste, explicou o ministro. Isso ocasionou uma queda na oferta e um aumento na demanda, fazendo com que os preços subissem. Outra medida que está sendo tomada, afirmou o ministro, é de negociar com grandes redes de supermercado para que busquem o produto onde há maior oferta. “Pessoalmente tenho me envolvido nas negociações com os cerealistas, com os grandes supermercados, para que eles possam fugir do tradicional que se faz no Brasil, e ir diretamente à fonte onde tem esse produto e trazer. E à medida que o produto vai chegando no Brasil, nós temos certeza que o preço cederá à medida em que o mercado for abastecido”. (Fonte: Portal Planalto). Medidas para evitar inflação das carnes - Preocupado com o impacto da alta do preço do milho na carne suína e nas aves, proteína muito consumida no Brasil, o governo deve tomar medidas para garantir o abastecimento do grão e segurar a inflação. O ministro da Agricultura, Blairo Maggi, afirmou que o governo deve preparar medidas para garantir o abastecimento de milho. Segundo ele, os preços do grão, que serve de ração para suínos e aves, subiu de R$ 30 para quase R$ 60. “Isso tira competitividade do setor de proteína animal. Vamos tomar providências”, disse. “Vamos atuar nos preços mínimos, subir esses preços para entusiasmar os produtores a plantarem mais”, ponderou. Ele afirmou ainda que pode ser criada “uma situação de importação no fim da safra para não deixar o preço passar muito do razoável”. Maggi explicou ainda que o milho, em função de problemas climáticos, sofreu uma quebra de safra. “Teremos condições de resolver isso (alta do milho) que impacta no dia-a-dia, impacta quer seja no ovo, no presunto, na salsicha, no hambúrguer”, afirmou. “Vamos tomar medidas para regular isso”, disse.  Fonte: www.brasil.gov.br

quarta-feira, 22 de junho de 2016

NOVA INDENIZAÇÃO PELA ONDA DE LAMA: Samarco deverá pagar R$ 30 mil em Colatina/ES após desastre

A empresa de mineração Samarco foi condenada a indenizar mais 15 moradores de Colatina após os danos causados pelo desastre da barragem de Mariana, ocorrido em novembro de 2015. Cada um dos requerentes irá receber R$ 2 mil como reparação, totalizando R$ 30 mil em indenizações. Os valores deverão ser atualizados monetariamente e acrescidos de juros. Em todas as petições ajuizadas no 2º Juizado Especial Cível do Município, os requerentes alegam que, após a chegada dos rejeitos de minério da barragem de Fundão ao Estado, têm convivido com privações relacionadas ao consumo de água. Além dos recursos hídricos, a população também alega ter tido a economia local afetada com o desastre. Ao conceder as decisões, o juiz Diego Franco de Santanna considerou ser inegável a influência do desastre na alteração do cotidiano da população atingida. O magistrado também destacou a magnitude do evento, que deixou rastros de destruição que levarão anos para serem apagados. O juiz também buscou base na Constituição Federal, onde fica garantida a imposição de sanções a atividades e condutas que culminem em dano ao meio ambiente. Durante a época dos fatos, de acordo com os autos, foram tomadas medidas paliativas por parte da empresa que, na tentativa de amenizar a situação calamitosa em que a população se encontrava, e após forte pressão midiática e popular, disponibilizou caixas estacionárias com água potável, em postos de distribuição, além de entregar água mineral. As medidas, ainda segundo os autos, ficaram longe de saciar a necessidade da população, causando, neste caso, um efeito contrário ao saneador, uma vez que novos conflitos foram potencializados por conta das decisões pouco eficazes tomadas pela Samarco. Outras condenações No início deste mês, 19 ações contra a Samarco foram julgadas procedentes pelo juiz do 2° Juizado Especial de Linhares, Wesley Sandro Campana dos Santos, que condenou a mineradora a indenizar os moradores em R$ 31.520 para cada um deles, totalizando R$ 598.880,00 em indenizações. Já o juiz Salomão Akhnatom Zoroastro Spencer Elesbon, do 3º Juizado Especial Cível de Colatina, em decisão também publicada no site do Tribunal de Justiça do Espírito Santo (TJES) no início deste mês, condenou a Samarco a indenizar 25 moradores em R$ 2 mil para cada um deles, totalizando R$ 50 mil em reparações por danos morais. (Vitóriia, 21/06/2016). Fonte: Assessoria de Imprensa e Comunicação Social do TJES, texto de Tiago Alencar - tiaoliveira@tjes.jus.br - Andréa Resende, Assessora de Comunicação do TJES,  imprensa@tjes.jus.br - site: www.tjes.jus.br 

Senado aprova texto base do projeto que atualiza as regras do Supersimples

O Senado aprovou, em primeiro turno, nesta terça-feira (21/06/2016) a atualização das regras para o enquadramento das empresas no Supersimples – como é conhecida a legislação com regras tributárias simplificadas para as empresas. O texto base foi aprovado por unanimidade, com 65 votos a favor – 24 além do mínimo exigido para um projeto complementar. Por se tratar de substitutivo, o projeto será submetido a turno extra de votação, que deve ocorrer nesta quarta (22). Como houve alteração, a matéria voltará para a análise da Câmara dos Deputados, em caso de aprovação definitiva. A discussão da matéria já havia sido iniciada na semana passada, mas um grupo de senadores pediu o adiamento da votação, para estudar mais a proposta. A relatora do projeto, senadora Marta Suplicy (PMDB-SP), explicou que o objetivo das alterações é fazer mais empresas aderirem ao Simples – e, consequentemente, gerar mais empregos. Marta é autora do substitutivo ao projeto original do ex-deputado Barbosa Neto (PLC 125/2015 - Complementar).  Segundo ela, o texto aprovado contempla algumas das mudanças que foram discutidas na reunião dos governadores, que ocorreu há duas semanas no Senado. Destacou também que o texto final foi fruto do entendimento com representantes da Fazenda dos municípios e do governo federal. - O projeto traz importantes alterações no Supersimples. As várias negociações permitiram um aperfeiçoamento do texto. Este projeto vai ajudar as empresas a não fecharem as portas – declarou a relatora. Disse ainda que foram apresentadas emendas, por parte dos senadores, e sugestões, pelos governos estaduais e por entidades representativas, e que o texto final tentou contemplar a maior parte dos interessados. Segundo ela, o governador do Distrito Federal, Rodrigo Rollemberg, entrou em contato com o presidente do Senado, Renan Calheiros, para informar que os governadores dos estados concordavam com as alterações. Na semana passada, ele esteve presente no Plenário, acompanhando a discussão do projeto, e também representou os governadores na reunião do dia 14, quando foram tratados alguns dos últimos ajustes no texto do substitutivo. - Este é um projeto da maior importância para animar a economia, sobretudo para as micro e pequenas empresas, que são um segmento fundamental para a geração de empregos – afirmou o governador, logo depois da reunião.
Senado aprova Lei de Responsabilidade das Estatais, que vai à sanção
O Plenário aprovou nesta terça-feira (21) o substitutivo apresentado pela Câmara ao projeto de lei do Senado (PLS) 555/2015, que cria a Lei de Responsabilidade das Estatais. No entanto, o relator da proposta, senador Tasso Jereissati (PSDB-CE), acatou apenas três alterações feitas pelos deputados. O texto estabelece normas de governança corporativa e regras para compras, licitações e contratação de dirigentes realizadas por empresas públicas e sociedades de economia mista, como a Petrobras. A matéria irá à sanção presidencial. As normas previstas no projeto serão aplicadas a toda e qualquer empresa pública e sociedade de economia mista da União, dos estados, do Distrito Federal e dos municípios, incluindo estatais que exploram atividade econômica, como o Banco do Brasil; as que prestam serviços públicos, como a Companhia Nacional de Abastecimento (Conab); e as que exploram atividade econômica sujeita ao regime de monopólio da União, como a Casa da Moeda. Em seu parecer, Tasso explicou que não poderia acatar todas as emendas apresentadas pela Câmara, por entender que muitas das alterações iriam contra os objetivos que nortearam o projeto, em especial a profissionalização da gestão das estatais. O relator acatou modificações que afastam a possibilidade de choque com a Lei das Sociedades Anônimas e também mudanças relativas aos critérios de escolha dos membros do Conselho de Administração das Estatais. Nesse quesito, Tasso Jereissati incluiu dispositivo que considera a experiência de profissional liberal no rol das exigências para investidura em cargo de gestão nas empresas. Agência Senado (Reprodução autorizada mediante citação da Agência Senado)

terça-feira, 21 de junho de 2016

SÃO JOSÉ DE ANCHIETA: Solenidade em Vitória para apresentação da Bula de Canonização

Acontece nesta terça-feira (21/06/2016), às 14h, no Salão Dourado do Palácio Anchieta, a apresentação da Bula Papal de Canonização de São José de Anchieta. O evento será reservado às autoridades políticas, eclesiásticas e imprensa. Na ocasião, o governador Paulo Hartung e o vice-governador César Colnago, juntamente com o Reitor do Santuário de Anchieta, Padre Cesar Augusto dos Santos, apresentarão aos convidados o documento vindo diretamente do Vaticano. Entenda a bula - A bula é um documento emitido pela chancelaria papal, também chamada bula apostólica ou pontifical. Destina-se a reconhecer juridicamente a santidade, em valor universal, de São José de Anchieta que, a partir dela, integra o catálogo dos Santos reconhecidos pela Santa Sé. Nela apresenta-se resumidamente a vida do “Apóstolo do Brasil”, com destaque para os exemplos que o notabilizaram e por ela se estabelece o culto. É composta de várias páginas escritas em latim. O Palácio Anchieta situa-se na Praça João Clímaco, número 142, Centro, Vitória/ES. Fonte: Daniela Ramos, Assessoria de Imprensa da Vice-Governadoria, email:  daniela.ribeiro@vice.es.gov.br – Tel.: 3636-1446/ 99753-7634.

CONCURSO PÚBLICO EM DORES DO RIO PRETO/ES: Salário varia de R$ 880,00 a R$ 3.500,00

Pesquisa e redação: Paulo R. Maciel p/o blog WWW.REPORTERPAULOMACIEL.BLOGSPOT.COM
Já estão abertas as inscrições para o concurso público da Câmara Municipal de Dores do Rio Preto/ES, que podem ser efetuadas das 9h do dia 6 de junho às 23h59 do dia 10 de julho de 2016. O concurso público é destinado ao provimento de cargos efetivos vagos do quadro de pessoal, sob o regime estatutário. As vagas oferecidas são para auxiliar de serviços gerais (ensino fundamental incompleto, salário de R$ 880,00 e carga horária de 40 horas semanais), auxiliar legislativo (ensino médio completo, salário de R$ 1.279,81 e carga horária de 40 horas semanais), contador (superior completo, salário de R$ 3000,00 e carga horária de 20 horas semanais), procurador jurídico legislativo (superior completo, salário de R$ 3.500,00 e carga horária de 20 horas emanais) e técnico legislativo (superior completo, salário de R$ 1.711,47 e carga horária de 30 horas semanais). Para cada cargo há uma vaga. O pagamento da taxa de inscrição deve ser feito até o dia 11 de julho. As provas serão realizadas no dia 21-08-2016. Para realizar a inscrição, o interessado deve acessar o link  http://www.fumarc.com.br/concursos/detalhe/nivel-fundamental-medio-e-superior/93 .Fonte: www.camaradrpreto.es.gov.br

GOVERNO TEMER: Definido acordo para pagamento da dívida dos estados brasileiros

As negociações com os governadores incluem uma proposta de limitação dos gastos estaduais, tal como ocorre no projeto do Novo Regime Fiscal, enviado pelo governo ao Congresso

O presidente em exercício Michel Temer definiu que o pagamento das dívidas dos estados com a União terá carência até o final de 2016. A medida foi anunciada nesta segunda-feira (20/06/2016) durante reunião com 22 governadores e cinco vice-governadores, no Palácio do Planalto. A partir de janeiro de 2017, os estados vão pagar 5,5% sequencialmente durante 18 meses até alcançar 100% do valor devido. Pagamentos que não se deram em função de liminares na Justiça serão feitos em 24 meses. “Essa reunião é para dizer que, depois de um logo inverno, parece que a luz se acendeu no horizonte”, disse o presidente. De acordo com Temer, as negociações com os governadores incluem uma proposta de limitação dos gastos estaduais, tal como ocorre no projeto do Novo Regime Fiscal, enviado ao Congresso Nacional na semana passada. “A circunstância de nós estarmos pré-resolvendo as dificuldades que os estados brasileiros estão passando, os estados também se incorporam à tese da União da limitação dos gastos dos respectivos orçamentos, digamos assim, aumentáveis apenas em face da inflação do ano anterior”. Fonte: www2.planalto.gov.br - Foto reproduzida da TV: Paulo R. Maciel p/o blog WWW.REPORTERPAULOMACIEL.BLOGSPOT.COM

segunda-feira, 20 de junho de 2016

"História Viva de Colatina", livro de Paulo Maciel, nas bancas de jornais de Colatina/ES. 100 páginas por apenas R$ 20

EMPREGO NO ES: Agências do Sine oferecem mais de 200 vagas nesta segunda

Quem está à procura de emprego pode ir a uma das agências do Sine nesta segunda-feira (20) e se candidatar a uma das 229 vagas anunciadas. Há oportunidades para trabalhar como atendente de telemarketing, oficial de serviços gerais e cozinheiro de restaurante, dentre outras. Na agência de Cariacica há 96 oportunidades, sendo 50 vagas para auxiliar de limpeza e 30 para atendente de telemarketing. As outras oportunidades são para costureira em geral (2), vendedor (12), babá e encarregado de produção. O Sine de São Mateus está anunciando nove vagas, dentre elas três para vigilante de escolta armada e transporte de valores e duas oportunidades para trabalhar em Guriri, nos setores de auxiliar de cozinha e cozinheiro de restaurante. Todas exigem experiência. Em Colatina, há 30 vagas para auxiliar de armazenamento, três vagas para técnico de enfermagem e três vagas para embalador à mão, além de outras seis vagas destinadas a auxiliar contábil, cortador de roupas e engenheiro civil. No município de Linhares são 36 vagas para 20 profissões diferentes, sendo que 12 delas são para auxiliar de linha de produção, exclusivas para pessoas com deficiência. O Sine de Anchieta possui 14 vagas disponíveis, sendo que doze são para trabalho no município de Guarapari, entre elas mecânico de automóveis e caminhões, oficial de serviços gerais, supervisor de vendas comercial e vendedor externo. Em Aracruz, há oportunidades para técnico de enfermagem hospitalar, vendedor externo, confeiteiro, técnico agrícola, eletricista automotivo, recepcionista de hotel e coordenador de departamento pessoal. Em Cachoeiro de Itapemirim, há duas vagas pra vendedor interno (granito) e outras seis vagas para os serviços de servente de limpeza (vaga exclusiva para pessoa com deficiência), operador multifio, rebobinador de motor, atendente de loja (vaga exclusiva para pessoa com deficiência) e serralheiro (vaga para trabalhar em Presidente Kennedy). O Sine de Nova Venécia possui vagas para auxiliar de produção, açougueiro e garçom. Em Barra de São Francisco, a oportunidade é para assistente de vendas, e em Viana há uma vaga disponível para trabalhar como técnico em eletromecânica. Seleção  - Os agentes do Sine inscrevem novos candidatos e buscam no banco de dados os currículos aptos ao cargo anunciado. As agências do Sine selecionam os profissionais de acordo com o perfil exigido pela empresa. Os candidatos que atendem aos requisitos recebem uma carta de recomendação e são encaminhados para entrevista com o empregador. Os interessados nas vagas anunciadas devem comparecer ao Sine e apresentar Carteira de Identidade, CPF, Carteira de Trabalho e comprovante de endereço. Com os documentos, é elaborado um cadastro com informações pessoais, qualificação e experiência profissional do candidato. As vagas de emprego estão disponíveis no http://maisemprego.mte.gov.br/portal/pages/trabalhador.xhtm, são atualizadas diariamente e podem sofrer alterações sem aviso prévio. Fonte: Assessoria de Comunicação da SETADES: Karla Danielle Secatto, tel. (27) 99859-6726 e 3636-6803, email: ascom@setades.es.gov.br  - Texto: Rodrigo Péret

DORNELLES: “O DECRETO TEM O OBJETIVO DE MOSTRAR PARA A SOCIEDADE O ESTADO DE CALAMIDADE FINANCEIRA DO RIO”

O governador em exercício Francisco Dornelles falou sobre o decreto que estabelece estado de calamidade pública no âmbito da administração financeira do Estado do Rio de Janeiro, publicado, na sexta-feira (17/06/2016), no Diário Oficial. De acordo com Dornelles, “o decreto tem como objetivo mostrar para toda a sociedade do Rio de Janeiro a calamidade financeira que vive o estado, abrindo caminho para que medidas muito duras possam ser tomadas para reverter o quadro crítico que vivemos”- Eu quero que todas as pessoas entendam que o Estado vive uma grande crise financeira. Houve problemas na área do petróleo, recessão econômica, problema na siderurgia, problema no setor automobilístico, perdemos uma grande arrecadação de ICMS, perdemos uma grande quantidade de royalties do petróleo, e essa medida de calamidade pública tem como objetivo chamar a atenção de cada cidadão para as dificuldades financeiras que vive o estado – destacou. Perguntado sobre sua expectativa em relação à ajuda do Governo Federal diante da situação de calamidade pública no estado, o governador em exercício afirmou que conta com a parceria da União. - Eu espero do Governo Federal um trabalho conjunto na área da segurança, da saúde, da mobilidade, do saneamento, que são pontos extremamente importantes para o Rio de Janeiro. Em relação ao encontro mantido com o presidente interino, Michel Temer, Dornelles contou que foram tratados temas importantes para o estado. - Nós apresentamos ao presidente Michel Temer as preocupações do Rio de Janeiro no campo da mobilidade urbana, da segurança, do saneamento, da saúde. Pedimos tropas federais durante as Olimpíadas, ajuda para a finalização do Metrô e para as áreas de mobilidade – afirmou, ressaltando que, nesta segunda-feira (20), haverá uma reunião em Brasília com os governadores e o presidente Temer, “e esperamos que exista um grande entendimento, porque os estados não têm condições de pagar as suas dúvidas”. Sobre a realização das Olimpíadas, o governador foi enfático: - Os Jogos Olímpicos vão ser um verdadeiro sucesso. Nenhum país vai fazer Jogos Olímpicos tão bem feitos, tão bem equacionados como o Rio de Janeiro e o Brasil. Fonte: www.rj.gov.br e foto reproduzida da TV (SBT): Paulo R. Maciel p/o blog WWW.REPORTERPAULOMACIEL.BLOGSPOT.COM

domingo, 19 de junho de 2016

NOTÍCIAS RELEVANTES DO ES: ACPDV, festas sertanejas, aterro sanitário e situação de emergência

Pesquisa/adaptação de texto: Paulo R. Maciel p/o o blog WWW.REPORTERPAULOMACIEL.BLOGSPOT.COM
ACPDV será contemplada pela segunda vez por  "Criança Esperança"
A Associação Colatinense da Pessoa Portadora de Deficiência Visual (ACPDV) será contemplada pela segunda vez pela campanha Criança Esperança, da TV Globo, em parceria com a UNESCO. A campanha de 2016 começou no sábado (18), via telefone. A ONG capixaba é um dos 62 projetos selecionados para receberem recursos. A ACPDV beneficia 93 pessoas com deficiência visual, entre crianças, adolescentes e adultos até 29 anos. A meta é a profissionalização da pessoa cega e com baixa visão, aliadas a outras deficiências. Em 2015, a ONG recebeu recursos para reformar a sua sede, destruída pela enchente que atingiu o Espírito Santo no ano anterior. “A água invadiu nosso prédio, destruiu salas e perdemos nosso transporte, que foi danificado pela chuva. Com a ajuda dos alunos, pais e parceiros, conseguimos reorganizar a instituição”, conta a pedagoga e coordenadora Maria do Socorro Reinoso. Em 2016, ano das Olimpíadas, a doação será feita para um projeto que visa ampliar espaços e desenvolver trabalhos voltados para o esporte. O objetivo é investir no desenvolvimento de esportes adapta, como as modalidades de futsal, golball, natação e atletismo. A contratação de um professor de xadrez também está em vista para preparar os alunos para competições nacionais e interestaduais. “O sonho deles é participar das Paraolimpíadas no futuro. Eles dizem que vão representar Colatina nas competições mundiais. Nosso papel é incentivar e dar todo o suporte para que isso aconteça”, reforça a coordenadora. A ONG foi criada em 2000 por pais, professores e pessoas com deficiência visual e deficiências múltiplas. O objetivo é prestar assistência com ações de orientação, acompanhamento, encaminhamentos e oferta de atividades culturais, educacionais, artísticas e de preparação para o mercado/geração de renda. A instituição oferece atendimento de estimulação precoce e educação infantil para crianças em cidades do interior do estado e da zona rural, localizadas pela associação, sem acesso ao atendimento educacional especializado. (16/06/2016)
Festas caipiras
Os alunos das escolas da rede municipal de ensino se movimentar  para as tradicionais festas caipiras, eventos que reúnem alunos, pais e a comunidade em geral. Bandeirinhas coloridas, cheiro de milho cozido, pamonha e pipoca tomam conta dos ambientes, os dançarinos se embalam ao som do forró e o barulho dos estalinhos anima a criançada. Afinal, quem não gosta de comer pé de moleque e paçoca, brincar de quadrilha e se divertir com as brincadeiras? Para esse momento de confraternização, as escolas prepararam uma programação especial. Confira algumas festas: 02/07 (sábado) – EMCOR Ernesto Corradi,  partir de 17h30; 08/07  (sexta-feira) – EPM Ponte do Pancas, a partir das 18 horas; 09/07 (sábado) – CEIM Santo Antônio e EMEF Eugênio Meneguelli, a partir das 16 horas. 10/07 (domingo) – EMEF Dr Ubaldo Ramalhete, a partir das 9h30
Aterro sanitário de Colatina recebe resíduos de vários municípios
Em Colatina funciona há vários anos o Centro de Tratamento de Resíduos Urbanos (Cetreu), uma espécie de aterro sanitário, situado numa área de 500 mil m², no Córrego Estrela, zona rural do município. A unidade concentra ações em favor do meio ambiente, relacionadas ao setor de destinação de lixo. A célula de resíduos sólidos urbanos do Cetreu foi projetada para receber 1,4 milhão m³ de resíduos, provenientes de Colatina, Consórcio Intermunicipal de Resíduos de Serviços de Saúde, São Roque do Canaã, Laranja da Terra, Marilândia, Pancas e de Itaguaçu. Estes destinadores entregam, em média, 3 mil toneladas por mês, que equivalem a 4 mil m³ de lixo. A operação consiste em aterrar os resíduos em camadas uniformes e compactadas. Com o tempo existe a decomposição destes e a produção de gases e de chorume. Estudos estão sendo elaborados para possível reaproveitamento dos gases e o chorume é coletado por meio de sistema de drenagem e destinado a estação de tratamento.(16/06/2016)
Governo Federal reconhece situação de emergência no Espírito Santo
A escassez de chuvas tem prolongado a crise hídrica no Espírito Santo. Em maio o Governo do Estado decretou Situação de Emergência em todo o território capixaba e neste mês de junho o decreto foi reconhecido pelo Governo Federal se tornando mais um instrumento para sensibilizar a União a ajudar os produtores rurais do estado. Os decretos foram assinados e reconhecidos devido ao registro de uma das maiores secas enfrentadas pela Região Sudeste. Em Colatina, especificamente, os índices pluviométricos registrados no ano de 2014 foram de 691,4 mm, em 2015  de 397,7 mm e em 2016, até o dia 19 de abril foi de 199,80mm, segundo dados coletados pelo Sanear na estação de Tratamento de Água I, localizada no bairro Marista, volume bem abaixo da média histórica que é de 1.014mm. Somando-se as precipitações entre 2014 e abril de 2016 choveu 1.288,9 mm, o equivalente a praticamente um ano de chuva se for considerada a média histórica. “Em todo município, pode se verificar os efeitos desta seca prolongada com redução expressiva da oferta de água nos corpos hídricos, a maioria com interrupção total da vazão, e redução dos volumes dos reservatórios, em média 95% de acordo com o INCAPER”, afirmou o secretário municipal de desenvolvimento rural, Ricardo Luiz Pretti. Os prejuízos  são iminentes. A produção agropecuária já foi comprometida em algumas atividades, como por exemplo: 60% na olericultura e fruticultura; 70% na cafeicultura; 60% na produção leiteira e 50% na cultura da cana-de açúcar. Ainda segundo o secretário, “as comunidades de várias regiões estão com seu abastecimento de água potável no limite da capacidade, gerando apreensão e medo por falta de água”. A Secretaria Estadual da Agricultura (Seag) lançou, em março, o Programa Estadual de Construção de Barragens, que prevê investimentos de R$ 60 milhões na implantação de mais de 60 reservatórios de água no interior do estado até 2018. A Seag criou duas novas gerências para cuidar, exclusivamente, da construção das barragens: a Gerência de Sustentabilidade e a Gerência de Infraestrutura e Obras Rurais. As barragens a serem construídas são de pequeno, médio e grande porte. Em Colatina está prevista a construção de uma barragem de médio porte na comunidade de Paul de Graça Aranha. Fonte: www.colatina.es.gov.br 

sábado, 18 de junho de 2016

Livro do radialista Paulo Maciel, "História Viva de Colatina", nas bancas do Briel, Joaquim e Rodoviária

CONCURSO PÚBLICO: Venda Nova/ES oferece 145 vagas para vários cargos

Inscrições para concurso da prefeitura de Venda Nova começam em 27 de junho
Pesquisa e adaptação de texto: Paulo R. Maciel p/o blog WWW.REPORTERPAULOMACIEL.BLOGSPOT.COM
A prefeitura de Venda Nova do Imigrante publicou no Diário Oficial o extrato do edital de abertura do concurso público para preenchimento de 145 vagas em todos os níveis de escolaridade. A remuneração varia de R$ 808,51 a R$3.187,13. As inscrições poderão ser feitas das 14h do dia 27 de junho às 23h59 do dia 4 de agosto, no site www.consulplan.net. As provas objetivas serão aplicadas no dia 11 de setembro e terão a duração de quatro horas para sua realização, em dois turnos, em horários e locais a serem divulgados após a homologação das inscrições. Confira os cargos: SAÚDE  - Cirurgião Dentista, Requisitos: Curso de Nível Superior em Odontologia e registro no respectivo conselho de classe,Carga horária: 20 h/s, Remuneração: R$ 3.187,13,  Vagas: cadastro de reserva (CR); Enfermeiro, Requisitos: Curso de Nível Superior em Enfermagem e registro no respectivo conselho de classe, com experiência mínima de 2 anos, Carga horária: 30 h/s, Remuneração: R$ 3.187,13, Vagas: 01 + CR; Farmacêutico, Requisitos: Curso de Nível Superior em Farmácia e registro no respectivo conselho de classe, Carga horária: 20 h/s, Remuneração: R$ 3.187,13, Vaga: 01 + CR; Fisioterapeuta, Requisitos: Curso de Nível Superior em Fisioterapia e registro no respectivo conselho de classe, Carga horária: 30 h/s, Remuneração: R$ 3.187,13, Vaga: 01 + CR;  Médico Clínico Geral, Requisitos: Curso de Nível Superior em Medicina e registro no respectivo conselho de classe, Carga horária: 20 h/s, Remuneração: R$ 3.187,13, Vaga: 01 + CR; Médico do Trabalho, Requisitos: Curso de Nível Superior em Medicina e especialização em Medicina do Trabalho de, no mínimo, 360 horas/ aula e registro no respectivo conselho de classe, Carga horária: 20 h/s, Remuneração: R$3.187,13, Vaga: 01 + CR; Médico Especialista – Ginecologia, Requisitos: Curso de Nível Superior em Medicina e registro no respectivo conselho de classe e formação específica para especialistas título de especialista emitido pela Sociedade ou pelo órgão de classe correspondente, ou experiência comprovada de exercício da especialidade por 5 anos consecutivos, Carga horária: 20 h/s, Remuneração: R$ 3.187,13, Vaga: 01 + CR;  Médico Especialista – Pediatria, Requisitos: Curso de Nível Superior em Medicina e registro no respectivo conselho de classe e formação específica para especialistas título de especialista emitido pela Sociedade ou pelo órgão de classe correspondente, ou experiência comprovada de exercício da  especialidade por 5 anos consecutivos, Carga horária: 20 h/s, Remuneração: R$ 3.187,13, Vaga: 01 + CR; Nutricionista,  Requisitos: Curso de Nível Superior em Nutrição e registro no respectivo conselho de classe, Carga horária: 30 h/s, Remuneração: R$ 3.187,13, Vaga: 01 + CR; Psicólogo,  Requisitos: Curso de Nível Superior em Psicologia e registro no respectivo conselho de classe, Carga horária: 30 h/s, Remuneração: R$ 3.187,13, Vaga: 01 + CR. EDUCAÇÃO -  Pedagogo, Requisitos: Curso de Nível Superior Licenciatura Plena em Pedagogia ou em nível de pós-graduação, e  2 anos de experiência, Carga horária: 25 h/s, Remuneração: R$15,51 h/a, Vaga: 01 + CR; Professor PA, Requisitos: Curso de Nível Superior em Normal Superior ou Pedagogia com habilitação para lecionar em anos iniciais, Carga horária: 25 h/s, Remuneração: R$15,51 h/a, Vagas: 35 + CR; Professor PB – Ciências, Requisitos: Curso de Nível Superior Licenciatura Plena em Ciências, Carga horária: 25 h/s, Remuneração: R$15,51 h/a, Vaga: 01 + CR; Professor PB - Educação Física, Requisitos: Curso de Nível Superior Licenciatura Plena em Educação Física e registro no respectivo conselho de classe, Carga horária: 25 h/s, Remuneração: R$ 15,51 h/a, Vagas: 02 + CR; Professor PB – Geografia, Requisitos: Curso de Nível Superior Licenciatura Plena em Geografia, Carga horária: 25 h/s, Remuneração: R$ 15,51 h/a, Vaga: CR; Professor PB – História, Requisitos: Curso de Nível Superior Licenciatura Plena em História, Carga horária: 25 h,  Remuneração: R$ 15,51 h/a, Vaga: CR; Professor PB – Inglês, Requisitos: Curso de Nível Superior Licenciatura Letras com habilitação em Língua Inglesa, Carga horária: 25 h/s, Remuneração: R$ 15,51 h/a, Vaga: 01 + CR;  Professor PB - Língua Portuguesa, Requisitos: Curso de Nível Superior Licenciatura Plena em Letras, Carga  horária: 25 h/s, Remuneração: R$15,51 h/a, Vaga: 01 + CR; Professor PB – Matemática, Requisitos: Curso de Nível Superior Licenciatura Plena em Matemática, Carga horária: 25 h/s, Remuneração: R$15,51 h/a, Vaga: CR;  Professor PB – Artes, Requisitos: Curso de Nível Superior Licenciatura Plena em Artes, Carga horária: 25 h/s, Remuneração: R$15,51 h/a, Vagas: 02 + CR; Psicopedagogo, Requisitos: Curso de nível superior em Psicopedagogia ou curso de Nível Superior em Psicologia, Pedagogia ou Licenciatura e registro no respectivo conselho de classe, Carga horária: 30 h/s, Remuneração: R$ 3.187,13, Vaga: CR. DEMAIS ÁREAS DE FORMAÇÃO – Arquiteto, Requisitos: Curso de Nível Superior em Arquitetura e registro no respectivo conselho de classe, Carga horária: 30 h/s, Remuneração: R$ 3.187,13, Vaga: 01 + CR;  Agente de Controle Interno, Requisitos: Curso de Nível Superior em Ciências Contábeis ou Direito ou administração ou Economia e registro no respectivo conselho de classe, Carga horária: 30 h/s, Remuneração: R$ 3.187,13, Vaga: 01 + CR; Assistente Social, Requisitos: Curso de Nível Superior em Serviço Social e registro no respectivo conselho de classe, Carga horária: 30 h/s, Remuneração: R$ 3.187,13, Vaga: 01 + CR; Contador, Requisitos: Curso de Nível Superior em Contabilidade e registro no respectivo conselho de classe, Carga horária: 30 h/s, Remuneração: R$ 3.187,13, Vaga: 01 + CR; Engenheiro Ambiental, Requisitos: Curso de Nível Superior em Engenharia Ambiental e registro no respectivo conselho de classe, Carga horária: 30 h/s, Remuneração: R$ 3.187,13, Vaga: 01 + CR; Engenheiro Agrimensor, Requisitos: Curso de Nível Superior em Engenharia de Agrimensura e registro no respectivo conselho de classe, Carga horária: 30 h/s, Remuneração: R$ 3.187,13, Vaga: 01 + CR; Engenheiro Agrônomo, Requisitos: Curso de Nível Superior em Engenharia Agronômica e registro no respectivo conselho de classe, Carga horária: 30 h/s, Remuneração: R$ 3.187,13, Vaga: 01 + CR; Engenheiro Civil, Requisitos: Curso de Nível Superior em Engenharia Civil e registro no respectivo conselho de classe, Carga horária: 20 h/s, Remuneração: R$ 3.187,13, Vaga: 01 + CR; Agente Administrativo, Requisito: Ensino Médio Completo, Carga horária: 30 h/s, Remuneração: R$ 1.184,10, Vagas: 06 + CR; Almoxarife, Requisitos: Ensino Médio Completo, acrescido de curso de Almoxarife, com carga horária mínima de 30 horas/aula, Carga horária: 40 h/s, Remuneração: R$ 1.759,51, Vaga: 01 + CR; Auxiliar de Sala, Requisitos: Ensino Médio Completo, Carga horária: 40 h/s, Remuneração: R$ 1.184,10, Vagas: 40 + CR; Auxiliar em Saúde Bucal, Requisitos: Ensino Médio Completo, acrescido de curso para qualificação profissional de Auxiliar em Saúde Bucal, com carga horária mínima de 300 horas e registro no respectivo conselho de classe, Carga horária: 40 h/s, Remuneração: R$ 1.443,41, Vagas: 04 + CR; Eletricista, Requisitos: Ensino Médio Completo e Curso regular e reconhecido de Eletricista, Carga horária: 44 h/s, Remuneração: R$ 1.443,41, Vaga: 01 + CR; Fiscal de Obras e Postura, Requisitos: Ensino Médio Completo e Carteira Nacional de Habilitação categoria “B”, Carga horária: 30 h/s, Remuneração: R$ 2.144,84, Vaga: CR; Fiscal de Tributos, Requisitos: Ensino Médio Completo e Carteira Nacional de Habilitação categoria “B”, Carga horária: 30 h/s, Remuneração: R$ 2.144,84, Vaga: 01 + CR; Fiscal Sanitário, Requisitos: Ensino Médio Completo e Carteira Nacional de Habilitação categoria “B”, Carga horária: 30 h/s, Remuneração: R$ 2.144,84. Vagas: CR; Instrutor Musical, Requisitos: Ensino Médio Completo e curso específico de música, com experiência mínima de 2 anos, Carga horária: 40 h/s, Remuneração: R$ 1.443,41, Vaga: CR; Monitor de Informática, Requisitos: Ensino Médio completo, acrescido de curso específico em informática realizado em instituição oficial e experiência mínima de 1 ano na profissão, Carga horária: 40 h/s, Remuneração: R$ 1.443,41, Vaga: CR; Fiscal de Meio Ambiente, Requisito: Curso Técnico de Nível Médio em Meio Ambiente, Carga horária: 30 h/s, Remuneração: R$ 2.144,84, Vaga: 01 + CR; Técnico Ambiental, Requisito: Curso Técnico de Nível Médio em Meio Ambiente, Carga horária: 30 h/s, Remuneração: R$ 2.144,84, Vaga: 01 + CR; Técnico de Enfermagem, Requisito: Ensino Médio Completo acrescido de curso de Técnico em Enfermagem e registro no respectivo conselho de classe, Carga horária: 40 h/s, Remuneração: R$ 2.144,84, Vaga: 01 + CR; Técnico em Georreferenciamento, Requisitos: Curso Técnico de Nível Médio em Georreferenciamento, Carga horária: 40 h/s, Remuneração: R$ 2.144,84, Vaga: CR; Técnico em Informática, Requisitos: Curso Técnico de Nível Médio em Informática, Carga horária: 30 h/s, Remuneração: R$ 2.144,84, Vaga: 01 + CR; Técnico em Segurança do Trabalho, Requisitos: Ensino Médio Completo, acrescido de curso de Técnico em Segurança do Trabalho e registro no TEM, Carga horária: 40 h/s, Remuneração: R$ 2.144,84, Vaga: 01 + CR; Cozinheiro, Requisito: Ensino Fundamental Completo, Carga horária: 40 h/s, Remuneração: R$ 971,37, Vagas: 14 + CR; Mecânico, Requistos: Ensino Fundamental Completo e 2 anos de experiência, Carga horária: 44 h/s, Remuneração: R$ 1.759,51, Vaga: 01 + CR; Motorista, Requisitos: Ensino Fundamental Completo, Carteira Nacional de Habilitação categoria “D” e experiência mínima de 2 anos, Carga horária: 44 h/s, Remuneração: R$ 1.443,41, Vagas: 03 + CR; Operador de Máquinas Pesadas, Requisitos: Ensino Fundamental Completo e 2 anos de experiência e Carteira Nacional de Habilitação categoria “C” ou superior, Carga horária: 44 h/s, Remuneração: R$ 1.759,51, Vaga: 01 + CR; Pedreiro, Requisitos: Ensino Fundamental Completo, Carga horária: 44 h/s, Remuneração: R$ 1.759,51, Vaga: 01 + CR; Braçal, Requisitos: Ensino Fundamental Incompleto (Anos Iniciais), Carga horária: 44 h/s, Remuneração: R$ 971,37, Vagas: 05 + CR; Calceteiro, Requisito: Ensino Fundamental Incompleto (Anos Iniciais), Carga horária: 44 h/s, Remuneração: R$ 1.184,10, Vaga: CR; Coveiro, Requisitos: Ensino Fundamental Incompleto (Anos Iniciais), Carga horária: 44 h/s, Remuneração: R$ 971,37, Vaga: CR; Operador de Máquinas Agrícolas, Requisitos: Ensino Fundamental Incompleto (Anos Iniciais) e 1 ano de experiência e Carteira Nacional de Habilitação categoria “C” ou superior, Carga horária: 44 h/s, Remuneração: R$ 1.443,41, Vaga: 01 + CR; Servente, Requisitos: Ensino Fundamental Incompleto (Anos Iniciais), Carga horária: 40 h/s, Remuneração: R$ 808,51, Vaga: 01 + CR. Fonte e mais informações: www.vendanova.es.gov.br

sexta-feira, 17 de junho de 2016

CHANCES DE EMPREGO NA SERRA/ES: Vagas disponíveis no Sine nesta sexta

Pesquisa: Paulo R. Maciel p/o blog WWW.REPORTERPAULOMACIEL.BLOGSPOT.COM
O Sine da Serra/ES seleciona profissionais para 67 vagas de emprego nesta sexta-feira (17/06/2016). Entre as ofertas, há chances para técnico de enfermagem, eletricista e passador de roupas. Os interessados devem comparecer ao Sine, localizado no Pró-Cidadão, em Portal de Jacaraípe, levando Carteira de Trabalho, CPF, RG e comprovante de residência. 57 vagas são exclusivas para pessoas com deficiência (PCD), sendo três oportunidades para auxiliar de limpeza. A lista com as vagas foi atualizada na tarde de quinta-feira (16) e pode sofrer alteração. Caso o candidato preencha todos os requisitos exigidos, receberá uma carta de encaminhamento para que seja entrevistado pela empresa, responsável pela seleção. Também é possível cadastrar o currículo no banco de dados, mesmo que não haja oportunidade para a área de interesse do candidato no momento. O Sine da Serra faz parte da estrutura da Secretaria de Emprego, Trabalho e Renda (Seter). Sine da Serra: Endereço: Pró-Cidadão, Avenida Talma Rodrigues Ribeiro, 5416, em Portal de Jacaraípe (antigo Shopping Norte). Horário de funcionamento: de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h. Fonte e mais informações: www.serra.es.gov.br

Leia o livro "História Viva de Colatina", do radialista Paulo Maciel. 100 páginas por R$20, nas bancas do Briel, Joaquim e Rodoviária

PROCESSOS SELETIVOS EM JOÃO NEIVA/ES: Inscrição para motorista, operador de máquina, médico e farmacêutico

Inscrição para motorista e operador de máquina só até esta sexta, e para médico e farmacêutico bioquímico até o dia 21
Pesquisa e adaptação de texto: Paulo R. Maciel p/o blog WWW.REPORTERPAULOMACIEL.BLOGSPOT.COM
A Prefeitura Municipal de João Neiva abriu Processo Seletivo n° 001/2016 para contratação de motorista e operador de máquinas. As inscrições podem ser realizadas na rua dos 3 Poderes, s/n, Centro, João Neiva/ES, nos dias 16 e 17/06 (até esta sexta-feira), das 12h às 17h. Para ambos os cargos o salário é de R$ 1.166,01, mais R$ 200,00 de auxílio alimentação. O candidato a motorista deve possuir ensino fundamental completo, idade mínima de 21 anos, Carteira Nacional de Habilitação categoria “D”, documento comprobatório de não ter cometido nenhuma infração grave ou gravíssima ou ser reincidente em infrações médias durante os últimos 12 meses e comprovante de quitação eleitoral. Para operador, exige-se habilitação nacional específica, idade mínima de 18 anos e comprovante de quitação eleitoral. O candidato deve ser brasileiro, nato ou naturalizado e estar em dia com as obrigações civis e eleitorais.  Farmacêutico bioquímico – A Secretaria Municipal de Saúde abre, entre os dias 17 e 21/06, as inscrições para o Processo Seletivo N° 003/2016 para a contratação de farmacêutico bioquímico. As inscrições podem ser feitas na rua Fortunato Afonso Tessarolo, nº 150, Triângulo, João Neiva/ES, das 7h às 11h e das 13h às 15h. O salário é de R$ 1.982,22, mais R$ 200,00 de auxílio alimentação. Será oferecida uma vaga e cadastro de reserva. O candidato deve possuir graduação em curso superior de farmácia, registro no Conselho Regional de Farmácia e não prestar serviços de responsabilidades técnica em estabelecimentos públicos e privados no município de João Neiva. Além dessas exigências, o candidato deve ter idade mínima de 18 anos e ser brasileiro nato ou naturalizado. Médico com salário de R$ 7,5 mil - A Secretaria Municipal de Saúde abre, entre os dias 17 e 21/06, inscrições para o Processo Seletivo N° 004/2016 para a contratação de médico da ESF. As inscrições devem ser feitas no site www.joaoneiva.es.gov.br e o salário é de R$ 7.500,00, mais R$ 200,00 de auxílio alimentação. O candidato deve possuir graduação em medicina e registro no Conselho Regional de Classe. São oferecidas três vagas e cadastro de reserva. O candidato deve ter idade mínima de 18 anos e ser brasileiro nato ou naturalizado. Fonte: Assessoria de Comunicação da PMJN, Sumaida Zuccolotto, comunicacao@joaoneiva.es.gov.br - Facebook: prefeiturajoaoneiva -  Twiter: @PMJN – site www.joaoneiva.es.gov.br

quinta-feira, 16 de junho de 2016

Notícias relevantes de Colatina/ES

Audiência pública sobre Orçamento do Estado
O Governo do Estado do Espírito Santo realiza nesta quinta-feira (16/06/2016) uma audiência pública para o Orçamento 2017.  Será no auditório da Diocese de Colatina, a partir das 13h. Moradores capixabas já podem contribuir por meio do site www.orcamento.es.gov.br, e  a participação é importante para apontar e indicar soluções para os desafios da administração pública. Além do site, cidadãos podem participar de encontros presenciais, contribuindo com propostas para que o Governo possa mapear os principais desafios das microrregiões. São cinco encontros presenciais: Nova Venécia (15/06); Colatina (16/06); Cachoeiro de Itapemirim (21/06); Santa Maria de Jetibá (23/06); e  Cariacica (29/06). A reunião de Colatina envolve municípios das microrregiões Centro-Oeste/Rio Doce: Alto Rio Novo, Baixo Guandu, Governador Lindenberg, Marilândia, Pancas, São Domingos do Norte, São Gabriel da Palha, São Roque do Canaã e Vila Valério. Aracruz, Ibiraçu, João Neiva, Linhares, Rio Bananal e Sooretama.
Fazenda da Esperança em Colatina
A Fazenda da Esperança de Colatina (entidade que cuida da recuperação de dependentes químicos) reintegrará à sua família um jovem que cumpriu o período de um ano de internação. Recuperado, ele voltará ao lar a fim de retomar a sua vida social e familiar. Neste domingo (19/06/2016), na missa das 19h, na Catedral do Sagrado Coração de Jesus, será realizada a cerimônia de despedida e de volta para casa. A Fazenda da Esperança foi trazida para Colatina graças ao empenho do bispo Dom Décio Sossai Zandonade, quando comandava a Diocese. O espaço físico da entidade está localizado na zona rural, em São Salvador, próximo à Ponte do Pancas. Para acessar a região via ônibus urbano, utiliza-se a linha “Gordiano Guimarães”. As visitas só são permitidas com agendamento, mas no primeiro domingo de cada mês a casa é aberta ao público para a missa das 10h30min.    
Exposição sobre Itapina na Casa da Cultura
“Uma canoa chamada lembrança” é o título da exposição fotográfica sobre o distrito de Itapina, na Casa da Cultura de Colatina, disponível para visitação pública até no dia 24 (segunda a sexta-feira, das 8h às 17h). A exposição é resultante da oficina de “Educação Patriomonial” do Projeto “Clic@r Itapina”, que envolveu a realização de palestras, pesquisas e atividades práticas, de forma gratuita e aberta à comunidade. O objetivo foi resgatar a memória local por meio de utilização de registros fotográficos pessoais e de famílias antigas do distrito, além de criar espaços virtuais de divulgação dos produtos do próprio projeto como a exposição de agora, com os trabalhos finais dos participantes. “Uma canoa chamada lembrança” é uma homenagem aos cidadãos de Itapina e a sua relação com o rio Doce, simbolizada em uma foto, segundo a apresentação da exposição, que remete a algumas décadas atrás. “Do Porto de Barca de Itapina é possível avistar uma bela moça, Adélia, que pousa numa canoa de nome 'Lembrança'. Dentro da água, ao fundo, vemos um menino de 10 anos, Jaime, conhecido pelo apelido de 'Ferro Velho'. Essa é a descrição de um momento do cotidiano de dois moradores que ficou gravado em um registro fotográfico. Um registro tão emblemático como esse, certamente, foi responsável pelo título da exposição dos resultados do projeto”. A história itapinense é contada em sete painéis, entre eles “Itapina antiga”, “Minha memória, nossas memórias” e “Portas que contam histórias”, por meio de fotos de arquivos pessoais e álbuns de família, mostrando o sítio histórico e acontecimentos sociais, culturais e políticos no passado, a vida cotidiana da comunidade local, os estabelecimentos comerciais, a ponte inacabada, as procissões em homenagem a Nossa Senhora do Perpétuo Socorro, a vida da escritora Virgínia Tamanini e da casa onde ela morou (e que hoje é o Museu) e dezenas de outros fatos marcantes. A oficina envolveu estudos e discussões sobre a diversidade e a cultura, como acervos imagéticos, patrimônio cultural, arquivos digitais, políticas de informação e gestão dos patrimônios documentais. Buscou-se com isso, a formação continuada de professores do Sistema Municipal de Ensino, a ampliação dos projetos pedagógicos que resgatassem identidades e o debate de assuntos relativos à transformação da cidade, memórias e ressignificação dos espaços. O trabalho permitiu capacitar moradores para que identificassem as fotografias que pudessem compor a história local, orientando-os quanto aos procedimentos referentes à organização, a fim de transmitir informações sobre os principais conceitos do patrimônio cultural. As aulas foram ministradas na Escola Municipal Maria Ortiz, com carga de 40 horas. A oficina foi uma iniciativa do Grupo de Pesquisa Archivum, com a coordenação dos arquivistas André Malverdes e Anderson Gomes Barbosa e contou com recursos do Funcultura e Governo do Estado, e apoio da Prefeitura Municipal de Colatina (Secretaria Municipal de Cultura), Arquivo Público do Estado do Espírito Santo (Apees), Departamento de Arquivologia da Universidade Federal do Espírito Santo (Ufes), Associação dos Arquivistas do Estado do Espírito Santo (AARQES), Grupo de Pesquisa Cine Memória, Empório Capixaba e Grupo de Pesquisa Acervos Fotográficos.

CONTROLE DE GASTOS: Meirelles diz que teto para gastos do Governo é determinante para retomada de confiança

Governo propõe medida para controlar gastos públicos
O ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, afirmou que a medida que cria um teto para a expansão dos gastos públicos vai ter efeitos diretos na retomada da confiança, na volta dos investimentos e na geração de empregos. A Proposta de Emenda à Constituição (PEC) que cria esse limite foi apresentada nesta quarta-feira (15/06/2016) a parlamentares da base aliada no Congresso. Se aprovada, as despesas da União serão corrigidas, anualmente, pela inflação. Segundo Meirelles, essa proposta tem ainda como finalidade que o crescimento da dívida pública como percentual do Produto Interno Bruto (PIB) possa ser estabilizada e, eventualmente, caia. Ele lembrou que a despesa pública no Brasil tem crescido de forma insustentável nos últimos anos. De 2008 a 2015, relatou Meirelles, o gasto total do governo federal cresceu mais de 50% enquanto a receita avançou 17%. Capacidade - “Existe um diferencial cada vez maior que vai sendo financiado por meio da emissão cada vez maior de dívida”, afirmou. “O governo funciona como qualquer família ou empresa, não há como prosseguir indefinidamente gastando muito mais do que a sociedade é capaz de pagar”, argumentou. Meirelles explicou ainda que a grande razão que nos levou a crise atual foi a queda da confiança na sustentabilidade da dívida pública brasileira e outros aspectos, como intervenções na economia e insegurança jurídica. Essa situação, segundo ele, fez com que os investimentos caíssem. “Derrubou não só confiança do investidor, mas do consumidor também. Muitos têm medo de perder o emprego, e nós precisamos reverter isso”, observou. Velocidade - “Quanto mais rápido aprovados essa PEC, mais rápida vai ser a reação da economia e mais rápido vai ser a retomada dos investimentos e a geração de empregos”, observou o ministro. Ele ponderou ainda que o tempo de tramitação da proposta é o tempo do Congresso. O ministro falou com a imprensa após reunião com líderes da base aliada no Congresso Nacional. No encontro, do qual também participou o presidente em exercício, Michel Temer, foi debatido os últimos detalhes da PEC. Cronograma -  A proposta apresentada pelo presidente, se aprovada no Congresso, passa a valer a partir de 2017. O limite se estenderia a todos os gastos da União, incluindo o dos poderes Legislativo e Judiciário. As despesas de restos a pagar também entram na conta. A ideia é de que a medida tenha validade de 20 anos, com possibilidade de revisão da regra a partir do décimo ano de vigência. Os valores mínimos dos gastos de saúde e educação também passam a ser corrigidos pela variação da inflação do ano anterior. Os ministros Henrique Meirelles (Fazenda), Dyogo Oliveira (Planejamento), Eliseu Padilha (Casa Civil) e Geddel Vieira Lima (secretaria de Governo) também participaram do encontro, que contou com a presença de 32 parlamentares. Fonte: Portal Brasil, com informações do Ministério da Fazenda

quarta-feira, 15 de junho de 2016

"História Viva de Colatina", livro de Paulo Maciel, à venda nas bancas do Briel, Joaquim e Rodoviária de Colatina/ES

PROCESSOS SELETIVOS: Prefeitura de Vila Velha, Iases e Detran/ES abrem inscrições

A Secretaria de Saúde da Prefeitura de Vila Velha abriu processo simplificado para contratação temporária e formação de cadastro de reserva para médicos, assistentes sociais, enfermeiros e diversos outros cargos. O cadastro contemplará mais de 40 diferentes profissões. As inscrições deverão ser realizadas exclusivamente por meio eletrônico. O candidato acessar o site no endereço http://www.vilavelha.es.gov.br/concursos/processo-seletivo-simplificado-pmvv-001-2016-semsa-semad-1065, com preenchimento do formulário de inscrição, no período das  8 horas do dia 13 de junho até as 23h59 do dia 22 do mesmo mês. Cargos: AUXILIAR DE SAÚDE BUCAL – 40 horas, TÉCNICO EM ENFERMAGEM - 40horas, TÉCNICO EM SAÚDE BUCAL - 40horas, ASSISTENTE SOCIAL-30horas, CIRURGIÃO DENTISTA - 20horas, CIRURGIÃO DENTISTA - 40 horas, ENFERMEIRO - 30 horas, ENFERMEIRO - PSF- 40 horas, FARMACÊUTICO - 40 horas, FARMACÊUTICO BIOQUÍMICO- 30 horas, FISIOTERAPEUTA - 40 horas, FONOAUDIÓLOGO - 40 horas, MÉDICO VETERINÁRIO- 20 horas, NUTRICIONISTA - 40horas, PSICÓLOGO - 40horas, TERAPEUTA OCUPACIONAL - 30horas, MÉDICO CARDIOLOGISTA -20 horas, MÉDICO CIRURGIÃO GERAL -20 horas, MÉDICO CLINICO GERAL- 20horas, MÉDICO CLINICO GERAL- 40horas, MÉDICO DA SAÚDE DA FAMILIA - PSF- 40 horas, MÉDICO GASTROENTEROLOGISTA- 20 horas, MÉDICO INFECTOLOGISTA - 20 horas, MÉDICO PEDIATRA - 20 horas, MÉDICO PEDIATRA - 40 horas, MÉDICO PSQUIATRA ADULTO - 20 horas, MÉDICO PSQUIATRA INFANTIL- 20 horas, MÉDICO GINECOLOGISTA-20 horas, MÉDICO GINECOLOGISTA -40 horas, MÉDICO CLINICO GERAL PLANTONISTA -20 horas, MÉDICO GINECOLOGISTA OBSTETRA PLANTONISTA -20 horas, MÉDICO PEDIATRA PLANTONISTA -20 horas, MÉDICO UROLOGISTA -20 horas, MÉDICO PNEUMOLOGISTA -20 horas, MÉDICO ENDOCRINOLOGISTA -20 horas, MÉDICO NEUROLOGISTA -20 horas, MÉDICO DERMATOLOGISTA -20 horas, MÉDICO ORTOPEDISTA -20 horas, MÉDICO REUMATOLOGISTA -20 horas, MÉDICO PROCTOLOGISTA -20 horas, MÉDICO ALERGISTA -20 horas, MÉDICO OTORRINOLARINGOLOGISTA -20 horas, MÉDICO NEFROLOGISTA -20 horas, MÉDICO GERIATRA -20 horas e MÉDICO ANGIOLOGISTA -20 horas. Fonte: www.vilavelha.es.gov.br  - Texto: Karolina Moreira.
Vagas para Iases e Detran
Pesquisa/ redação e adaptação de texto: Paulo R. Maciel para o blog WWW.REPORTERPAULOMACIEL.BLOGSPOT.COM                                                                 
Tem início nesta quarta-feira (15/06/2016) e prosseguem até o próximo dia 21, às 17h, as inscrições para o processo seletivo visando à contratação temporária para o cargo de agente socioeducativo do Instituto de Atendimento Sócio-Educativo do Espírito Santo (Iases), para as regionais metropolitana (Grande Vitória), norte (Linhares) e sul (Cachoeiro de Itapemirim). O candidato tem que ter o ensino médio completo e carteira de habilitação categoria “B” (CNH). O salário (remuneração por subsídio) é de R$ 2.350,09 para um trabalho em regime de escala. Haverá também processo seletivo para contratação temporária para os seguintes cargos de nível superior e técnico: região metropolitana: analista de suporte socioeducativo (administrador, contador e economista), nutricionista socioeducativo, psicólogo socioeducativo, terapeuta ocupacional socioeducativo e técnico socioeducativo (edificações); região norte: assistente social socioeducativo, pedagogo socioeducativo e psicólogo socioeducativo; região sul: assistente social socioeducativo, pedagogo socioeducativo e psicólogo socioeducativo. O salário é de R$ 4.232,00 (nível superior) e  R$ 2.173,60 (nível técnico)  para uma carga horária de quarenta horas semanais. Mais um processo seletivo destina-se à contratação de identificador veicular (sessenta vagas), assistente administrativo (doze vagas)  e engenheiro mecânico (seis vagas) para o Departamento Estadual de Trânsito (Detran). As inscrições começam nesta quarta (15/05/2016) e terminam no dia  20. A remuneração varia de R$ 1.823,03 R$ 4.557,60, e a carga horária é de quarenta horas semanais (veja matéria  mais detalhada publicada no blog  www.reporterpaulomaciel.blogspot.com no dia 14/06/2016).As inscrições são realizadas exclusivamente pela internet - no site www.selecao.es.gov.br -, e os dados completos estão nos editais 001 e 002/2016 do Iases e 001 do Detran. O telefone para contato é (0xx27) 3636-5454.